Skip to content

Exposição do Ronaldo Fraga em 50 fotos

5 de November de 2012

LEIA ESTE POST NO NOVO MODA ÉTICA:

http://modaetica.com.br/?p=5567

O estilista Ronaldo Fraga tinha feito um alarde de que a moda acabou, que a moda tinha que ser lenta, que ele estava com vários projetos e que, portanto, não ia apresentar coleção na SPFW. Parecia que era o fim no semestre passado.

Mas, na semana passada de SPFW, lá estava ele – com nova coleção e sem o velho discurso. Como levar a sério?

Ronaldo Fraga = óculos + bigode + legenda de si mesmo.

Luciana veste Ronaldo Fraga = óculos + bigode + legenda de si mesmo.

A gente tenta. Bem, eu tento levá-lo à sério. O estilista mineiro renomado – que eventualmente fala umas coisas que não se sustentam mais de seis meses, mas vá lá, quem nunca foi metamorfose, incoerência ou marketing pessoal? – continua me interessando quanto aos aspectos estéticos e ao desenho. Cores, formas, figuras, tecidos, bordados, temas, é tudo inebriante, envolvente. E eu fui lá prestigiar a exposição do Ronaldo Fraga no Palácio dos Despachos (Praça da Liberdade, Belo Horizonte/MG) e me deixar levar pelas experiências estéticas que ele tão bem nos proporciona e, assim, nos transporta para seu mundo imaginado.

Fotografei quase tudo (de forma bem amadora) e compartilho aqui. É bem lúdico e inspirador!

Entrada

Entrada

De acordo com o estilista Ronaldo Fraga,

“Moda é interpretação de texto e contexto social, histórico, econômico e cultural. Moda é técnica, textura, cores, tecidos e negócio. Mas, para mim, moda é antes de tudo a transformação do olhar através da escrita pessoal do indivíduo nas suas escolhas do vestir.

Nesta mostra, desvendo pequenos vestígios de uma escrita particular, desenhados por mim e vestidos nos outros. Por riscos, rabiscos e esboços, desenhei histórias absurdas do homem comum. Transformei música, literatura, cultura brasileira, e alguns ‘buracos’ do meu tempo em roupas-desenho e desenhos-memória. As mãos do velho-menino-que-conheço desde sempre ainda coçam diante de uma caixa de lápis de cor. A vontade de ilustrar uma nova história para vestir é o que não me deixa descer do balanço, porque este é o meu parque de diversões.”

Roupas de tule etéreo

Roupas de tule etéreo

Corações aplicados e poemas de Drummond

Corações aplicados e poemas de Drummond

Sapatos poéticos

Sapatos poéticos

Se meu fusca falasse!

Se meu fusca falasse!

Look do dia passado

Look do dia passado

Vestindo a natureza bordada

Vestindo a natureza bordada

Em nome do Bispo do Rosário. Aí o uso do famoso cobertor de mendigo como um pelerine aberto / capa.

Em nome do Bispo do Rosário. Aí o uso do famoso cobertor de mendigo como um pelerine aberto / capa.

Aqui dá pra ver melhor o uso da manta de resíduos têxteis. Ficou genial!!! Minha peça preferida: tem o modo de usar (como coberta e capa) dos mendigos, tem a  mistura de materiais incertos como os do Bispo do Rosário. É louca e primorosa, pobre e luxuosa.

Aqui dá pra ver melhor o uso da manta de resíduos têxteis. Ficou genial!!! Minha peça preferida: tem o modo de usar (como coberta e capa) dos mendigos, tem a mistura de materiais incertos como os do Bispo do Rosário. É louca e primorosa, pobre e luxuosa.

Foco nas linhas bordadas multicoloridas e de liberta de rumos!

Foco nas linhas bordadas multicoloridas e de liberta de rumos!

Pés descalços

Pés descalços

Mais pés descalços - mas de Melissa

Mais pés descalços – mas de Melissa

Um pé na "Vila Sésamo"

Um pé na “Vila Sésamo”

Esse vestido tinha um bordado muito primoroso. Infelizmente a fotografia não faz jus à verdade do vestido.

Esse vestido tinha um bordado muito primoroso. Infelizmente a fotografia não faz jus à verdade do vestido.

Ronaldo & Cia.

Ronaldo & Cia.

Fazendo graça enquanto ter bigode está na moda!

Fazendo graça enquanto ter bigode está na moda!

A ala dos baús que guardam as referências das coleções.

A ala dos baús que guardam as referências das coleções.

01

01

02

02

03

03

04

04

05

05

06

06

07

07

08

08

09

09

10

10

11

11

12

12

13

13

14

14

15

15

16

16

Os baús pareciam ter vida própria e estavam prestes a caminhar rumo a...

Os baús pareciam ter vida própria e estavam prestes a caminhar rumo a…

... escada / abismo / céu de manecas penduradas pela cabeça (enforcadas?).

… escada / abismo / céu de manecas penduradas pela cabeça (enforcadas?).

Imitar é uma forma de ser.

Imitar é uma forma de ser.

Finalidades da roupa.

Finalidades da roupa.

Vamos explorar o Vale do Jequitinhonha!!

Vamos explorar o Vale do Jequitinhonha!!

Bonecas cor de barro.

Bonecas cor de barro.

Pés na estrada

Pés na estrada

Fragmentos de Fraga

Fragmentos de Fraga

Roda viva!

Roda viva!

Moça bonita

Moça bonita

Flores da terra inóspita.

Flores da terra inóspita.

Vestido fiel à essência das cerâmicas do Vale do Jequitinhonha!

Vestido fiel à essência das cerâmicas do Vale do Jequitinhonha!

A mãe!

A mãe!

Cordeiros de Deus multiplicados nos espelhos do banheiro.

Cordeiros de Deus multiplicados nos espelhos do banheiro.

Porta do banheiro das damas

Porta do banheiro das damas

E porta do banheiro dos cavalheiros. Decifre esta imagem!!

E porta do banheiro dos cavalheiros. Decifre esta imagem!!

Mais detalhes da exposição, podem ser lidos no post Dica do Bruno: exposição do Ronaldo Fraga

No comments yet

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: